* Caso não queira ouvir a música, desligar no botão ao lado *
 

RAMAIN-THIERS CHEGA À MANAUS

 

 

Levado pela psicóloga e sociopsicomotricista Ramain-Thiers Priscila Lima, o Ramain-Thiers está na Creche Escola Vida da cidade de Manaus - AM.

 

Veja o artigo publicado na revista Saúde & Beleza Manaus, ano 2, nº 2 de set/out/nov de 2012.

 

Clique aqui

 

ENCERRAMENTO DO GRUPO L de Mato Grosso do Sul

                Apresentação de Monografias.

                Clique na imagem para ampliar

Jeane

Letícia
 
 
Rosa Simone
   
Telma Solange e Jeane - entrega simbólica do certificado
   
Marilene entregando uma rosa a Rosa Solange, Simone e Ana
   

Solange e Telma.e Ana ao fundo
 

Grupo de formandas com
professores do Curso e Coordenadoras

   
 

O grupo de formandas e Solange

 


METODOLOGIA RAMAIN-THIERS
 

                O que é?

                É uma metodologia brasileira criada por Solange Thiers.

               Durante sua vida profissional Solange pesquisa a realidade brasileira, os regionalismos; as características do povo. Através da Psicomotricidade o povo mostra sua miscigenação, tanto no movimento do seu corpo expressivo, como na racionalidade e na cultura.  Além das observações de domínio público, trabalhando mais de 30 anos com grupos terapêuticos em Psicomotricidade, aliou seus estudos teóricos à prática clínica: pesquisou, constatou  e comprovou a presença do emocional nas ações motoras e fez a aliança através da leitura afetiva da Psicomoticidade.

               Da interligação da mente social ao espaço terapêutico surgiu a Sociopsicomotricidade, unindo prática e teoria, uma única idéia que parte de um ponto central, como uma espiral.

                Ramain-Thiers é a Sociopsicomotricidade.

                Conheça um pouco mais!

               A Especialização Ramain-Thiers é constituída de aulas teóricas, formação didática (vivência da metodologia), estágio supervisionado.

               O corpo docente do Rio de Janeiro é constituído de:


               Elaine Thiers Silva

               Eliana Júlia de Barros Garritano

               Hanka Moczijdlower

               Kathleen de Araújo Lima Cardoso

               Leila Maggio Teixeira de MeIo

               Márcia Regina Viana

               Solange Cotrim Thiers Silva


 
     
          REFLITA:

Vivemos um momento muito delicado.

"A nossa sociedade debate-se, desesperadamente, contra a falta de autoridade oriunda de não entrada da função paterna, o que nos foi deixado como legado histórico e social. O nosso povo deixou de respeitar a Lei e está com dificuldades de encontrar uma forma segura de agir. Entretanto, este fenômeno que acontece hoje já aconteceu em vários momentos da História Política e Social dos povos em geral, até mesmo na realidade de Freud.

Freud iniciou sua obra numa Viena conturbada de final de século. Em 1886, por ser judeu, sentiu as conseqüências do anti-semitismo na sua vida profissional. A partir de 1900, as possibilidades de Freud como cientista e psicanalista tornavam-se cada vez mais difíceis. Eram poucos os pacientes de Viena, e ele esperou dezessete anos para ocupar a cátedra na Faculdade de Medicina, o que era um sonho seu. Esta realidade de Freud é um movimento análogo ao que vivemos hoje no Brasil, a total inversão de valores. Parece-me, então, que falar de um passado tão distante é também atualizar o passado no presente que se repete, e aproveitar da experiência vivida para elaborar novas formas de fazer, ser e compreender.

O Ramain-Thiers é uma especialização de ação segura, consciente, através de um material rico e projetivo, experimentado e constatado, que favorece o reviver de questões parentais, em grupo ou individual. O "setting" se instala e a transferência se estabelece a nível central, com o terapeuta, e lateral, entre os membros do grupo. É uma possibilidade que vai atualizar-se pelos conteúdos vividos através da interpretação, clarificação ou pontuação das necessidades emocionais verbalizadas. São trabalhados os fundamentos da Psicomotricidade como Esquema Corporal, Imagem Corporal, Lateralidade, Organização Têmporo-Espacial.

A concepção sociopsicanalítica do RAMAN-THIERS é a psicomotricidade vivida no contexto sociogrupal, compreendida não só pelas intersecções cognitivas, emocionais ou psicomotoras, mas também pela integração destas com o social, para que o sujeito se insira melhor na cultura.

Trabalhamos a psicomotricidade que dá o suporte à cognição como análise-síntese, figura fundo, coordenação motora fina, percepção e memória.

O indivíduo sente-se produtivo porque passa pelo "fazer", pela expressão motora, que é a ação, onde tem a oportunidade de reparar as questões danificadas (erros), não só no seu trabalho prático, mas também na sua vida pessoal, tendo seu próprio corpo como referência de vida, um corpo que sentindo e vivendo descobre formas alternativas de crescer, amadurecer, ser produtivo, ser social!

A Sociopsicomotricidade Ramain-Thiers tornou-se ciência quando pôde reunir a prática ao teórico, e através de estudos científicos comprovou qye a Psicomotricidade é um instrumental que promove a emergência do Inconsciente, considerando o sociológico como um dos fatores de grande importância para a compreensão das questões grupais e da coletividade." *

* Thiers, S.  Sociopsicomotricidade Ramain-Thiers - uma leitura emocional, social, corporal. (2ª ed.), S. Paulo: Casa do Psicólogo, 1998, p. XIX.

                 E COMO SE FORMA A PESSOA DO TERAPEUTA?

                    A Formação Didática é a vivência da Sociopsicomotricidade               

A formação do Sociopsicomotricista pressupõe um processo vivencial. Para ser Sociopsicomotricista precisa-se passar pelo processo formativo, porque deve-se viver a experiência, para transformar o conhecimento, fazendo com que os princípios se tornem experiências vividas, para um melhor entendimento do processo.

A formação didática desperta a sensibilidade, a quietude interna, mobiliza o afetivo - emocional, aproxima a idéia do afeto e, sendo um processo grupal, favorece a que se descubra o outro, saindo de uma relação consigo mesmo para uma relação com o outro, predispondo-se a viver em grupo, a melhor se inserir no social.

O Sociopsicomotricista deve estar inteiro na relação, sempre espontâneo na sua forma de ser, interiorizado para poder perceber que o acontecimento depende do contexto do grupo e da significância na singularidade de cada pessoa. A interiorização mobiliza as energias corporais ascendentes e descendentes, que acabam por permitir um fluxo energético mais intenso.

O contexto-grupo é o "setting" terapêutico onde as transferências ocorrem, centralizadas no Sociopsicomotricista e diluídas entre os participantes.

A transferência é uma relação de objeto, que revive uma história infantil.A transferência é de natureza inconsciente e, no Ramain-Thiers, em função da natureza de trabalho, tais transferências geralmente são negativas, no início.

O  grupo Ramain-Thiers é a revivência do primeiro grupo de cada um, que é o grupo familiar, sendo o terapeuta a representação de figuras parentais e o grupo a fratria ou o continente materno, é claro compreender-se como as transferências ocorrem, por repetição de um ambiente favorável, ou desfavorável, um clichê estereotípico, onde circula a libido, a qual é determinante na vida erótica de cada um. As transferências, portanto, ocorrem, e sendo más e boas  favorecem a integração do objeto.

São as propostas psicomotoras que despertam todas as questões, isto é como cada um vive.

O grupo é soberano em sua ação, pois mobiliza-se dentro de um código instituído, que vem do social, e um código interno, que é a Lei Ramain-Thiers: a instrução de trabalho.  Ramain-Thiers é também um trabalho de socialização que visa, também, preparar o indivíduo para aprender a viver em coletividade."**

O código é vivido através de atividades que o decifram.

* Thiers, S.  Sociopsicomotricidade Ramain-Thiers - uma leitura emocional, social, corporal. (2ª ed.), S. Paulo: Casa do Psicólogo, 1998, p.44 e 45.

 

               ESPECIALIZAÇÃO RAMAIN-THIERS

         A SOCIOPSICOMOTRICIDADE

                A ESPECIALIZAÇÃO RAMAIN-THIERS caracteriza-se por oferecer aos profissionais graduados a opção de vir a ser Especialistas em Sociopsicomotricidade.
               A formação abre também espaço ao trabalho empresarial na visão educacional Ramain-Thiers.

               Duração: 2 anos

               Carga horária:
                 150 h - Formação Didática
                 • 360 h - Formação Teórica e Técnica
 (carga horária média, variando com a cidade)
                 •
60 h - Estágio prático supervisionado  (carga horária média, variando com a cidade)

               Elenco das áreas de conteúdo:
                
Leitura Vertical Ramain-Thiers
                
Leitura Horizontal Ramain-Thiers
                 •
Leitura Transversal Ramain-Thiers
                 Fundamentos da Sociopsicomotricidade
                 Estudo dos Orientadores  Terapêuticos Thiers para Crianças, para Adolescentes, para Adultos
                 Psicomotricidade I, II e III, IV
                 Transtornos do desenvolvimento
                 Desenvolvimento Humano
                 Metodologia Científica
                 • Estágio supervisionado
                 • Orientação de Monografia

               Área de Atuação:
                 Educacional e/ou Clínica
                

               ÁREAS DE INTERVENÇÃO:

                 ADULTOS:
                Sensibilização de Educadores, Recuperação de pacientes comatosos, Acompanhamento de grupo de pais, Grupo de Assentados, População de Zona Rural, Área Esportiva, Gerontologia Social, Patologias Vocais, Afasias, Formação do cidadão voltado para a virtude pública.

                 ADOLESCENTES e CRIANÇAS:
                  População institucionalizada; Distúrbios da aprendizagem, Distúrbios psicomotores, TDAH, Problemas emocionais, de realacionamento e conduta
 

               CONHEÇA A CRIADORA DE RAMAIN-THIERS:
               Solange Thiers é brasileira, natural do Rio de Janeiro. Possui três graduações: em Fonoaudiologia, Pedagogia e Psicologia; duas especializações pelo CRP/05: Especialista em Psicomotricidade e Especialista em Psicologia Clínica. É também Psicanalista e Sócio-analista, o que lhe permite uma visão global tanto do indivíduo como do grupo.

               Como pesquisadora, prosseguiu seus estudos, concluindo Mestrado em Filosofia e Ética na Universidade Gama Filho (RJ), na temática Ética Pública. Sua preocupação continua sendo melhorar as condições do povo brasileiro através de propostas globais terapêuticas, sociais e educacionais, pela Psicomotricidade.

                Solange Thiers é Presidente de Honra da S.B.P. - Sociedade Brasileira de Psicomotricidade e também Sócia Fundadora e Titular desta Sociedade, Presidente da A.B.R.T - Associação Brasileira Ramain-Thiers, há 16 anos, por eleição nacional.

                 É Diretora do CESIR.


               CONHEÇA A BIBLIOGRAFIA RAMAIN-THIERS

LOBO, A. L. e cols. Programa de Avaliação Ramain-Thiers. S. Paulo: Casa do Psicólogo, 1997.

THIERS, Solange e cols. Sociopsicomotricidade Ramain-Thiers - Uma leitura emocional, corporal e social. (1ª ed. 1994) , 2ª ed., S. Paulo: Casa do Psicólogo, 1998.

THIERS, Elaine org. Compartilhar em Terapia - Seleções em Ramain-Thiers. S. Paulo: Casa do Psicólogo, 1998.

GRUBITS, Sonia.  A Construção da Identidade Infantil - A Sociopsicomotricidade Ramain-Thiers e a ampliação do Espaço Terapêutico. S. Paulo: Casa do Psicólogo, 1996.

GRUBITS, Sonia. A Construção da Identidade Infantil II. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1998.

THIERS, Elaine org. Compartilhar em Terapia - Seleções em Ramain-Thiers. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1998.

THIERS, Solange e THIERS, Elaine org. A Essência dos Vínculos. Rio de Janeiro: Altos da Glória, 2001.

Para adquirir qualquer desses livros, procure os locais de vendas aqui
 

                Bibliografia exclusiva da formação Thiers:

THIERS, Solange. Orientador Terapêutico Thiers para Crianças "CR". 2ª ed., Rio de Janeiro: CESIR, 1998.

THIERS, Solange. Orientador Terapêutico Thiers para Adolescentes "AD", 2ª ed., Rio de Janeiro, CESIR,., 1997.

THIERS, Solange. Orientador Terapêutico Thiers para Adultos "E", 2ª ed., Rio de Janeiro: CESIR, 1995.

THIERS, Solange e cols. Coleção Thiers - Descobrindo o Brincar. Rio de Janeiro: CESIR, 1998.

THIERS, E. E MAGGIO, L. - Escolha Profissional em Ramain-Thiers. Rio de Janeiro:
CESIR, 2001.
 

             VEJA ONDE ACONTECERÃO OS PRÓXIMOS CURSOS DE RAMAIN-THIERS

         Aqui você confere os próximos cursos de Especialização Ramain-ThiersI.   

 

Início da página

Número de Visitas